Se um médium se afasta e depois retorna, os guias serão os mesmos?

 


A pergunta de hoje é da Marcela e ela quer saber se um médium continua a trabalhar com seus guias, caso saia e depois retorne para a Umbanda.

Normalmente, sim. O médium passa por um processo de desenvolvimento longo, justamente, para criar uma afinidade profunda com seus guias, a fim de que possa executar o seu trabalho.
Contudo, os guias não trabalham apenas com um único médium, sendo comum que trabalhem com dois ou três outros médiuns que, normalmente, não se conhecem.

Assim, quando um destes resolve parar de trabalhar – qualquer que seja o motivo – o guia continuará trabalhando com outros médiuns.
Caso o desistente queira retornar, provavelmente, os seus guias se apresentarão. Mas, isto nem sempre ocorre...

Imagine, por exemplo, que alguns médiuns passam décadas afastados da religião. Pode ser que, neste caso, o compromisso espiritual de alguns de seus guias seja outro, talvez tenham reencarnado, talvez estejam trabalhando com mais médiuns de modo que não consigam mais retomar o compromisso rompido décadas antes.

No entanto, seja com os guias de antes ou com “novos”, desde que o médium queira retornar, a Umbanda o receberá e o trabalho será retomado.

Leonardo Montes

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os anos de internet me ensinaram a não perder tempo com opositores sistemáticos, fanáticos, oportunistas, trolls, etc. Por isso, seja educado e faça um comentário construtivo ou o mesmo será apagado.