terça-feira, 24 de março de 2020

REFLEXÕES EM TEMPOS DE QUARENTENA

Imagem do Google

Recentemente, vi um “post/meme” do Batman e Robin em que se diz: “Para de reclamar do terreiro fechado, quando está aberto você nem vai”. E eu me pergunto: não é uma bela realidade?

Ano passado decidi encerrar os estudos que eu fazia sobre Umbanda no terreiro (preferindo focar na internet) e a principal razão para isso foi a falta de interesse.

Por dois meses avisei que o curso se encerraria em dezembro e, ainda assim, no final de fevereiro, ouvi pessoas perguntando sobre os estudos. Quando lhes informei que havia encerrado, elas lamentaram, dizendo que gostavam muito.

Bem, se gostavam tanto, por que não compareciam?

Da mesma forma, tenho visto muitas pessoas dizendo sentir falta dos trabalhos (o que é compreensível), mas será que quando o terreiro está aberto essas mesmas pessoas provam esse amor com sua dedicação ao terreiro?

Penso, portanto, que podemos aproveitar o tempo de quarentena para refletirmos sobre nosso compromisso junto ao terreiro que nos acolheu, afinal, todos temos o que melhorar...

Assiduidade, pontualidade, compromisso, boa-vontade, interesse, fraternidade, são alguns assuntos que podemos nos basear para refletir, mas sem dúvida não são os únicos...

E aí, como anda seu compromisso junto ao terreiro?

Leonardo Montes

Share:

0 Comments:

Postar um comentário

Os anos de internet me ensinaram a não perder tempo com opositores sistemáticos, fanáticos, oportunistas, trolls, etc. Por isso, seja educado e faça um comentário construtivo ou o mesmo será apagado.