quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

A IMPORTÂNCIA DA HUMILDADE PARA O MÉDIUM

Imagem do google

Entre tantas definições de humildade, gosto de uma que diz: “consciência das próprias limitações”. Assim, humildade não é, por exemplo, se esquivar de elogios justos, mas se esquivar de elogios injustos, mesmo quando nasçam do desejo sincero de nos agradar.

Lembro-me bem do médium Celso de Almeida (psicógrafo) e que repetia sempre em suas entrevistas o conselho dado por Chico Xavier no início de sua vida mediúnica:

- Quando te chamarem de impostor, você saberá que não é; mas, quando te chamarem de Santo, você também saberá que não é.

Humildade é isto: consciência das próprias limitações!

Uma vez o Velho me disse:

- Tiro o chapéu para médiuns cujos guias fazem um lindo trabalho de cura e eles permanecem calados, mas não tiro o chapéu para aqueles que mal conseguem uma cura e já querem falar ao microfone...

Tenho aprendido com os guias que um médium humilde, com pouca mediunidade, é capaz de fazer um grande trabalho. Contudo, um médium prepotente, mesmo com uma mediunidade incrível, produzirá sempre muito pouco.

O médium humilde sabe que é imperfeito e tenta se melhorar. Não se esconde atrás de seus guias, não coloca palavras na boca da entidade e não quer ser visto maior do que de fato é.

Fica feliz quando vê os frutos de seu trabalho, contudo, antes de se sentir um “iluminado”, pensa que, na verdade, é o grande beneficiado pela oportunidade de ser médium, aprender e servir, sabendo que, muitas vezes, os problemas do consulente são iguais aos seus e que os conselhos que seus guias dão servem tanto para o consulente, quanto para ele próprio.

O médium humilde não quer ser maior do que os outros: quer ser maior do que a si mesmo. Não luta contra o colega de terreiro que atrai a disputa da consulência, mas luta por ser ele mesmo um melhor instrumento da espiritualidade.

Muitos médiuns novatos me pedem um conselho e sempre repito o que aprendi com os guias: humildade.

Seja humilde e você irá longe!

Leonardo Montes 


Share:

0 Comments:

Postar um comentário

Os anos de internet me ensinaram a não perder tempo com opositores sistemáticos, fanáticos, oportunistas, trolls, etc. Por isso, seja educado e faça um comentário construtivo ou o mesmo será apagado.