quarta-feira, 20 de novembro de 2019

FIRMEZA PARA EXU


Firmeza feita em minha casa
Eventualmente, quando sinto necessidade (especialmente quando sinto que estou sendo atacado espiritualmente), faço uma firmeza para exu. Essa firmeza é bastante simples, mas nem por isso se torna menos eficaz. Ela contém todo o necessário para se estabelecer um ponto de força a partir do qual o exu evocado poderá nos ajudar.

Ela consiste, basicamente, no seguinte:

Um copo com marafo (ou a bebida típica do exu do médium);

Uma vela branca;

Um charuto;

Bastante fé e vontade!

Procedimento:

Procura-se o local mais próximo da rua, perto do portão de entrada ou, se não for possível, no quintal ou mesmo na varanda, se morar em um apartamento.

Ajoelha-se, orando mentalmente, pedindo a proteção de Deus e dos bons espíritos. Em seguida, coloca-se o copo no chão, derrame a bebida (não precisa encher o copo), acenda a vela o lado, acenda o charuto, puxando bastante para que queime bem. Em seguida, sopra-se três vezes a fumaça do charuto sobre a firmeza, deixando-o, por fim, em cima do copo de marafo.

Então, chame mentalmente pelo exu desejado (no caso, o exu do médium), pedindo sua assistência, proteção e amparo, mais ou menos nos moldes seguintes:

Saravá seu exu “fulano de tal”, peço a sua proteção essa noite (a firmeza deve sempre ser feita à noite, longe de olhares curiosos), para que com sua força e proteção, todo mal que haja nesta casa ou que queira me atingir possa ser desfeito. Confio em vossa força e agradeço vosso amparo. Salve, salve, saravá seu exu “fulano”, Deus lhe pague a caridade!

Em seguida, levanta-se e entre para dentro da casa, evitando sair na rua nesta noite ou ficar toda hora olhando a firmeza.

No dia seguinte, jogue a bebida na rua, o charuto e o restante da vela (se sobrar) no lixo, lavando o copo que, neste caso, deve sempre ser destinado a isso, não devendo voltar a fazer parte dos utensílios domésticos.

Esta é uma firmeza que pode ser feita por todos os médiuns ou consulentes que habitualmente se consultam com exus e que tenham, porventura, afinidade com um ou com outro.

Pessoas leigas ou despreparadas não devem fazê-la, pois podem estar oferecendo recursos energéticos a entidades que podem usá-los de forma negativa...

Nota: Quem me conhece sabe que não gosto de oferecer “receitas” sobre nada. Contudo, como as pessoas sempre pedem, descrevi como faço. Importa não esquecer que a forma visa sempre atender as necessidades de quem firma, sendo que cada pessoa encontrará a própria maneira. Este é apenas um exemplo!

Leonardo Montes 



Share:

2 comentários:

  1. Ótima postagem. Parabéns.
    Me tire uma dúvida:
    –Quando a pessoa faz uma firmeza pra exu em sua casa, na firmeza tem a imagem do exu, a garrafa de pinga e cigarro dados a ele. A pessoa que fez a firmeza pode consumir a pinga dada à entidade? Tipo, ela pode pegar o litro de pinga e tomar?
    Desde já agradeço pela a atenção.
    sabrinaaleixo000@hotmail.com meu e-mail para contato. Obrigada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grato. Não deveria. O que é da entidade é da entidade, o que é do médium é do médium.

      Excluir

Os anos de internet me ensinaram a não perder tempo com opositores sistemáticos, fanáticos, oportunistas, trolls, etc. Por isso, seja educado e faça um comentário construtivo ou o mesmo será apagado.