quarta-feira, 27 de novembro de 2019

COMPORTAMENTO NO TERREIRO: MAU HUMOR

Imagem do google

Você acordou de mau humor? Levantou com o pé esquerdo? Está com a avó atrás do toco? Muito bem, saiba que muitas pessoas passam por isso e, não raro, todos experimentam alguns dias assim durante o ano, não é mesmo?

Contudo, lembre-se do seguinte: isso é um problema seu!

Isto mesmo: seu!

Ninguém é obrigado a aguentar mau humor alheio. Não está bem? Ok, é um direito seu... Contudo, você não precisa tratar mal as pessoas do terreiro, precisa?

Ou você acha que todo mundo tem a obrigação de aguentar sua inhaca? A resposta é um sonoro: não, não mesmo!

Se você não se sentir bem, se não quiser conversar, se não estiver à vontade, chegue de mansinho, fique no seu canto, peça apoio e ajuda a espiritualidade, faça o possível para elevar sua energia.

Se alguém tentar puxar conversa com você, seja sincero e diga que não gostaria de conversar hoje, que prefere “ficar quietinho”... É mais honesto e fraterno do que simplesmente dar uma má resposta a alguém que provavelmente está te abordando com boa vontade e que, em última instância, não tem nada a ver com seus problemas...

Além do mais, o terreiro é um espaço sagrado, onde as pessoas devem se tratar, no mínimo, com cordialidade e educação. Se você não consegue isso, então, melhor ficar em casa, pois do contrário, as pessoas bem cedo perceberão este seu vai e vem e logo começarão a te jogar para escanteio...

Que o mau humor é uma dificuldade como qualquer outra, é evidente. Contudo, é preciso que nos dediquemos de corpo e alma a sanar nossas feridas, sob pena de acabarmos sozinhos, destino quase certo de todos os que veem a vida em tons de cinza...

Leonardo Montes

Share:

0 Comments:

Postar um comentário

Os anos de internet me ensinaram a não perder tempo com opositores sistemáticos, fanáticos, oportunistas, trolls, etc. Por isso, seja educado e faça um comentário construtivo ou o mesmo será apagado.